O que é a Eurásia?

Como qualquer conceito construído social e historicamente, a Eurásia não é definida de forma consensual. Cada pesquisador ou grupo de pesquisadores pode descrevê-la de forma diferente, dependendo de seus modos de análise e que variáveis leva em consideração (geopolítica, cultura, história, economia, geografia física, etc.).

 

Por um lado, a Eurásia pode ser vista como a grande massa de terra que abarca o continente europeu e o continente asiático. Por outro lado, para alguns pesquisadores, trata-se apenas dos países imediatamente herdeiros do antigo espaço soviético.

 

No GEsEu, trabalhamos com um meio-termo, por acreditarmos que uma exagerada abrangência territorial (ainda que seja útil para outras áreas de conhecimento, como a geografia física) não dá conta de explicar dinâmicas sociais e políticas que seriam melhor apresentadas através de um recorte. Da mesma forma, restringir tal espaço somente aos antigos países soviéticos ocasiona uma perda analítica considerável, já que acreditamos que suas fortes ligações sócio-políticas sempre perpassaram as fronteiras formais.

 

Desta forma, a Eurásia, em nossa visão, compreende toda a região da Europa Central (Eslováquia, Eslovênia, Hungria, Polônia e República Tcheca), Europa Oriental (Estônia, Letônia, Lituânia - também conhecidas como países bálticos - Belarus, Rússia Europeia, Moldávia e Ucrânia), Sudeste Europeu (Albânia, Bósnia-Herzegóvina, Bulgária, Croácia, Kosovo, Macedônia, Montenegro, Romênia e Sérvia), Cáucaso (Armênia, Azerbaijão e Geórgia, além da parcela da Federação Russa inserida nesta região), Ásia Central (Cazaquistão, Quirguistão, Tadjiquistão, Turcomenistão e Uzbequistão, além de Xinjiang, na República Popular da China) e Norte Asiático (Federação Russa em seu território asiático).

 

Mais uma vez, é importante ressaltar que a ideia de Eurásia não é fechada, e mesmo em nosso grupo estendemos a análise para incorporar, eventualmente, regiões como a antiga Alemanha Oriental, o Afeganistão e a Mongólia como "áreas de interesse". O importante é que se compreenda essa localidade como altamente complexa e, por isso mesmo, permeada por diversos elementos.

 

 

© GEsEu, 2020

SIGA-NOS:

  • w-facebook
  • Branca Ícone Instagram
  • Twitter Clean